02 janeiro 2014

De mim comigo

Gosto de rotinas. Quase tanto como gosto do inverno e de chuva, de estar um fim de semana inteiro sem sair de casa e arrumar gavetas e armários. Ou seja, de coisas que geralmente ninguém gosta.
Gosto de comida sem sal e de bolos com pouco açúcar. Gosto que o azul das calças seja igualzinho ao azul da camisola e das botas, do cachecol e da mala, da bracelete do relógio e das meias que nem se vêem.
Quando gosto de um livro leio todos do mesmo autor e quando uma música soa bem procuro todos os álbuns da mesma pessoa. Gosto do mesmo chocolate desde sempre e da mesma bebida desde o primeiro trago. E, no meio de tanta concordância, se há coisa que eu gosto mesmo é de não dar nada por garantido. A supremacia da instabilidade a dominar uma vida tão estável. É disso que eu gosto.

1 comentário:

O Leão da Montanha disse...

Muito lindo! Foi tão sensível e expressou diversas coisas que gosto e costumo fazer.

Abraços
Teorias do Leão da Montanha