05 maio 2008

Mais e menos

Há 8 anos atrás, por dias próximos a este, eu e o Beguinho fomos pela primeira vez ao cinema juntos. Quando nem nos imaginávamos namorados, ainda nem propriamente amigos, muito menos marido e mulher e papás do meu filhote, uma saída de colegas de turma colocou-nos lado a lado frente ao ecrã para ver "Uma vida a dois". Confesso que me lembro pouco do filme mas a cena inicial sei bem como era: no final de mais um dia, a família reunida à mesa assinala os mais e os menos do dia de cada um.
Esta ideia de fazer como que um balanço diário em família ficou-me desse filme para a vida. Aqui por casa, muitas vezes se utiliza esse pretexto para se falar do tempo que passamos longe. Por agora, os mais e os menos de "Uma vida a dois" serviram para falar de uma semana passada em terras do Alto Alentejo com alguns pulinhos a Espanha, numas férias sonhadas e desfrutadas, merecidas e (quase) perfeitas.

Os mais do Beguinho foram Vila Viçosa, Cáceres e o livro que ele comprou em Badajóz. A Beguinha gostou de Juromenha, do Palácio dos Duques de Bragança e dos momentos na casinha que nos acolheu nestas férias. Para o Tigy o melhor de tudo foi mesmo as batatas fritas. Os mais destes dias a três, feitos de uma paisagem imensa, de um silêncio reconciliador, de petiscos saborosos, de castelos e castelos e mais castelos, de ruas estreitas e de estradas sem fim, multiplicam-se em cada foto que se revê ou em cada momento que se lembra.
Quanto aos menos... Bem, esses ficam mesmo para nós.

6 comentários:

BlueAngel disse...

Esses "mais" de todos vós são tão merecidos que não contive o maior dos sorrisos ao ler-te. Que bom, finalmente, estes dias para vocês. Sabes que fico mesmo feliz! :-) Quanto aos "menos", não te preocupes, como tempo serão abafados pelos "mais". beijocas larocas com amizade

Cláudia Pinto disse...

Este começo de história faz-me mesmo lembrar quando me contaste quem era o teu namorado! Essa "vida a dois" que nunca imaginei e que tanta felicidade traz a todos os que gostam de vocês! Adorei a descrição dessas férias maravilhosas! Também estou a pensar rumar ao Alentejo muito em breve... So não saberei reflectir os bons momentos com tanta sabedoria como tu! Beijinhos doces

Rui Tigeleiro disse...

"O Espírito do Amor", foi o filme que vi à cerca de 17 anos (Dezembro de 1990). Ainda estamos juntos e a crescer (eu mais para os lados). Como sempre absorvo com satisfação as tuas palavras (letras) e afinal parece que viver até é fácil, bastam umas batatas fritas. Simples.

Maria Luís disse...

Andreia,
Agora podes "ler-me" aqui http://fragmentosdevida.wordpress.com/
Luisinho!

Rute Borges disse...

Bonita história... Saboreei cada palavra, como sempre que cá venho...
Um beijo meu

nils disse...

E nós poderiamos ser apenas dois, não soubesse eu já sermos mais...